O REINO DE NOSSO SENHOR JESUS CRISTO!  

Amar ao Próximo como a Si Mesmo e a Deus sobre Todas as Coisas! Essa é a Lei do Perdão!

A Lei de Causa e Efeito! Quem Perdoa Ama de Verdade!

Translate this Page

Rating: 3.8/5 (3201 votos)




ONLINE
1




Partilhe esta Página



 

super bowl 2021 live streaming


Total de visitas: 892890
MISSÃO! A VOLTA DAS NAVES DE CAPELA À TERRA.
MISSÃO! A VOLTA DAS NAVES DE CAPELA À TERRA.

A VOLTA DAS NAVES DE CAPELA!

A Nave1

 

OS ESPÍRITOS DOS HOMENS! NA VIDA MISSIONÁRIA

A trezentos e vinte 320 séculos a. C. voltam as Naves a revoar sobre a Terra, e desta vez, no continente americano. A Origem das Forças do Vale do Amanhecer a trinta e dois mil anos atrás, umas frotas de naves extra-planetárias pousaram na Terra, e delas desembarcaram homens e mulheres, duas ou três vezes maiores do que o tamanho médio do Homem atual. Sua missão era a de preparar o planeta para futuras civilizações. Para isso, mudaram a topografia e a fauna, trouxeram técnicas de aproveitamento dos metais, além de outras coisas essenciais para aquele período e os que se seguiram. Chamavam-se Equitumãs, e seu domínio do planeta durou 2.000 anos. Depois disso; o núcleo central desses Missionários foi destruído por uma estranha catástrofe, e a região em que viviam se transformou no que hoje se chama Lago Titicaca. Em no livro “2.000 – Conjunção de Dois Planos”: os Equitumãs são descritos com maiores detalhes. Depois disso de 30 a 25 mil anos existiram Missionários Outros, que se chamaram Tumuchys.

Esses eram predominantemente Cientistas, que estabeleceram Avançada Tecnologia, cujo principal objetivo era a captação de Energias Planetárias e extra-planetárias. Foram esses Cientistas os Grandes Construtores das Pirâmides do Egito e incluindo todas, que construíram ainda existentes em várias partes da Terra. Esses e outros monumentos megalíticos foram construídos de acordo com um Planejamento para todo o Planeta. Posteriormente, esses Gigantescos Edifícios foram utilizados pelos Povos que vieram depois para outras finalidades. E os métodos Científicos se transformaram em Tabus e Religiões. Más, a energia armazenada se conserva até hoje preenchendo os propósitos, a que foi destinada. Depois dos Tumuchys entre 25 e 15 mil anos atrás vieram os Jaguares. Estes foram os manipuladores das Forças Sociais que estabeleceram as bases dos Povos e Nações. Mais numerosos que os Equitumãs e os Tumuchys, eles deixaram suas marcas em todos os povos, e é por isso que a figura desse felino aparece em tantos monumentos antigos. Esses espíritos aos poucos foram deixando atrás essas identificações e foram nascendo em meio aos Povos e Nações; que eles haviam ajudado a criar.

A partir daí, podemos entrar na História e Identificar, razoavelmente, as Civilizações que se seguiram até nossa época. Nomes como Chineses, Caldeus, Assírios, Persas, Hititas, Fenícios, Dórios, Incas, Astecas, Gregos e outros, que já nos são familiares pela História. Nessas Raças e Povos, através de milhares de anos, esses experimentados Espíritos acabavam sempre, ocupando posições de mando e se destacavam como Reis, Nobres, Ditadores, Cientistas, Artistas e até Políticos. Nessa movimentação gigantesca, no tempo e no espaço podemos traçar as Origens mais próximas dos Espíritos que, hoje, fazem parte da Missão chamada de Vale do Amanhecer.

A partir dos hititas, depois os jônios e mais tarde, os dórios vamos encontrá-los em Esparta, Atenas, Egito e Roma. Principalmente em Esparta e na Macedônia teve início o percurso que se poderia chamar a “Era Moderna" Partindo dessa origem os destinos dos Jaguares foram convergindo para a Era de Peixes, para o nascimento de Jesus. Aqueles que eram da Falange do Jaguar, que no século XVI tomou o nome de Seta Branca fizeram seu Juramento e Iniciaram sua nova fase, agora sob a "Bandeira Rósea de Jesus e sua Lei é o Perdão. Jesus inaugurou a fase da Redenção Cármica, Sistema Crístico, chamada Escola do Caminho e desde então, esse Grupo de Jaguares passou a agir de acordo com ela. Assim, no decorrer desses quase vinte séculos, os Ciclos Civilizatórios têm sido orientados no sentido da redenção, do ressarcimento e do retorno dos Espíritos para sua origem, a caminho de Deus.

Partindo desse princípio, da ideia, as guerras, as catástrofes e os desenganos passaram a ter um sentido, uma razão de ser, servindo como escola e lição de treinamento para os Espíritos, na sua intelectualidade. Com Jesus nasceu à abertura para a individualidade, onde, antes, só havia caminho para a personalidade. Na Escola do Caminho, o artista é mais importante que o personagem que ele representa. Isso explica porque a visão do mundo só é válida em termos do indivíduo, e não de acordo com padrões condicionadores. As encarnações são como papéis preponderantes e representativos em peças previamente escritas e ensaiadas. Cada artista tem seu papel e seu desempenho e pode melhorar ou piorar a Cena. A peça torna-se boa ou má, de acordo com o conjunto do desempenho. E, como no teatro, também o Público tem o seu papel, pois não se concebe representação sem o Público. Cada peça tem sua mensagem, e o artista é considerado bom ou não, de acordo com sua capacidade de contribuição para que ela seja perfeita. Assim, dentre as muitas peças apresentadas no palco da Vida, nesses 2.000 anos, surgiu à "Estória da Escravidão e o Nascimento da Didática dos Pretos Velhos”.

A Falange dos Jaguares, que hoje compõem o movimento do Vale do Amanhecer são espíritos evoluídos, que já ocuparam personalidades importantes entre os Equitumãs, Tumuchys e Jaguares. Na sua maioria, foram líderes nas ciências, nas artes, nas guerras e na direção dos povos e nações. Isso os tornara orgulhosos e soberbos, e, como conseqüência, eles haviam se endividado muito. Surgida a Era de Jesus, teriam que passar pelo crivo da Humildade, da Tolerância e do Amor, como, aliás; todos os espíritos que iriam compor a humanidade desses dois milênios. Más, para eles, habituados às lideranças, seu papel teria que ser de destaque. E assim aconteceu... Portugal dominava os mares, nos séculos XV e XVI. Seus navios singravam as águas dos continentes, e iam deixando colônias onde acostavam. Dessas colônias, em países considerados exóticos pelos europeus, iam para a Europa as mercadorias especiais, as “especiarias”. Com essas mercadorias vieram, também, os Escravos.

Os Europeus estavam habituados, desde tempos remotos, com a idéia da escravidão de prisioneiros de guerra ou devedores de dinheiro. A idéia do escravo pela simples escravização existia, nessa época, mais na África e no Oriente. Com a vinda dos primeiros escravos negros importados, nasceu sua comercialização, que se tornou importante na Era dos Descobrimentos. No decorrer dos anos, a escravidão se tornou uma instituição, um hábito normal de vida, aceito, inclusive, pelas religiões. Assim era quando o Brasil foi descoberto. Pouco depois do descobrimento, já começaram a vir os primeiros escravos para a lavoura de cana de açúcar. Esse comércio durou até 1888. Para a História, a escravidão ficou registrada como apenas um episódio, às vezes chamado de “mancha negra da História do Brasil” ou como resultante dos fatos econômicos da Época.

Para o plano espiritual, a escravidão foi, na realidade, era o Movimento Redentor, a grande prova dos espíritos missionários, dos endividados, dos orgulhosos, pois tinha o mais profundo sentido Iniciático: a morte, a eliminação da personalidade, com isso obrigando a emersão da individualidade. Como no teatro, em que, às vezes, o artista sobrepõe-se ao personagem, certo número de escravos lançou as bases da etapa final da Escola do Caminho: criando raízes na religiosidade brasileira. Dentre esses escravos estavam um sem número de Jaguares que, por sua vez, haviam sido Equitumãs e Tumuchys. Dois velhos líderes se destacaram, dois espíritos excelsos que, na qualidade de Missionários, se submeteram à difícil provam duas individualidades que representaram os personagens; Pai Zé Pedro e Pai João.

Nos trezentos e setenta e dois anos que durou a escravidão no Brasil, eles foram escravos em duas encarnações. A escravidão tinha o mais profundo sentido Iniciáticos: a morte, a eliminação da Personalidade e o conseqüente nascimento, ainda na Terra, da Individualidade. A pessoa humana perdia sua identidade ao ser escravizada, ou já nascia sem ela, se nascesse filha de escravo. A conseqüência Doutrinária desse fato é de grande importância: não podendo impor as exigências do corpo e da Alma, o escravo era praticamente obrigado a ceder às exigências de seu Espírito. Daí nascerem às práticas Mediúnicas entre os escravos no Brasil. Numa primeira Encarnação, Pai Zé Pedro e Pai João eram escravos vindos da África. Como bons Missionários, foram os primeiros a sentir na carne os rigores da dolorosa experiência encarnatória. Ao envelhecer e serem considerados pelos seus senhores como inúteis, ele, aproveitando a nostalgia natural dos seus companheiros de escravidão, criaram a prática dos “Encantos”.

Esses tradicionais espíritos de grandes chefes, agora reduzidos às figuras de míseros escravos, tinham, também, pertencidos a civilizações em que praticamente não se utilizara a escrita no cotidiano. As ordens eram transmitidas e recebidas pelo Som, pelo comando da voz, pelas senhas secretas, pela magia vibratória. Suas memórias estavam treinadas, nesses milhares de anos, pela gravação dos fatos narrados, cantados, expressos pelo som. Quando o som não se tornava possível, a comunicação era pelo gesto, pela mímica. E assim os escravos se comunicavam, davam vazão aos anseios de seus espíritos, pelo gesto, pela dança, pelos cânticos e pelos gemidos... O instrumento mais simples e mais prático foi o Atabaque.

Pai João sentava-se num toco e tocava seu atabaque. Seu som cadenciado ia formando os Mantras, que se espalhavam misteriosamente nas florestas e nas Almas dos Homens. E assim, lentamente, através do enredo dramático, num palco privilegiado adrede preparado, chamado Brasil: foi nascendo os chamados cultos afro-brasileiros. Como espíritos veteranos deste planeta e integrantes da Missão do Cristo Jesus; Pai João e Pai Zé Pedro eram possuidores da necessária bagagem Mediúnica e Iniciática que lhes facilitava a tarefa. Embora pertencentes a fazendas distantes uma da outra, eles se transportavam e conversavam entre si. Pai João, mais habituado que Pai Zé Pedro aos reinados e Comandos, era o executivo. Pai Zé Pedro, mais místico, executava a Magia. E foram acontecendo coisas extraordinárias nas relações dos Escravos com seus Senhores.

A História; no Brasil está cheia de lances emocionantes que envolveram não só os escravos como, também, os brancos. É preciso lembrar que nem todos os espíritos a serem redimidos haviam nascido como escravos. Todos, porém, tinha uma parte no enredo, todos participavam de uma forma ou de outra, do gigantesco drama cármico. Enquanto isso, as práticas de Magia, os cultos misteriosos e mediúnicos, iam se desenvolvendo entre os escravos, em muitos aspectos envolvendo, também, os brancos senhores. Sob a orientação dos Mentores e a execução de Espíritos Missionários, encarnados, surgiram as práticas religiosas miscigenadoras. Mais tarde, Pai João e Pai Zé Pedro voltaram em novas encarnações, ainda como escravos, mas, desta vez, nascidos na Índia. A partir desse retorno as práticas foram evoluindo, agora com o lastro místico da Índia e do Tibét. Nasceu à Mediunidade Iniciática e, com ela, a passagem de Espíritos Sofredores, na Redenção Mediúnica. Os cultos foram se misturando e fazendo parte de uma Sociedade brasileira ainda incipiente.

Na Europa, nascia o Espiritismo de Kardec e as práticas se misturavam com o Catolicismo Oficial Existente. Essa é a razão da dificuldade na separação das raízes dos Cultos no Brasil. Os historiadores nunca vão encontrar uma linha pura e com sua origem determinada. Mas, no Mundo Espiritual, os Planos prosseguiram no explicativo com naturalidade e objetividade. Enquanto os conflitos Sociais agitavam a superfície dos Males da Alma e do Corpo, o Espírito prosseguia tranqüilo nas suas tarefas de Reajustes. Nesse período surgiu o Episódio das Princesas de Mãe Yara. Havia Sete Espíritos de Mulheres que haviam participado ativamente de muitas Encarnações dos Jaguares. Numa dessas Encarnações, elas haviam morado na mesma Cidade de Pompéia. Essa Cidade do Império Romano tinha sido um balneário, Cidade Recreio dos Ricos Romanos e, no período de decadência, se transformado em uma Cidade cheia de Vícios. Um dia, houve uma Erupção de um Vulcão, o Vesúvio, e Pompéia ficou coberta de cinzas.

Uma a uma, as crioulas foram fugindo de suas senzalas e, orientadas pelo Plano Espiritual, foram se encontrando numa determinada região. Nesse lugar havia uma cachoeira que escondia um ponto da floresta de difícil acesso, e lá elas estabeleceram seu lar. Pai João e Pai Zé Pedro, com o conhecimento da missão reservada para aqueles espíritos missionários, encobriam, com suas astúcias de velhos escravos, a escalada das crioulas. A branca e loura sinhazinha, estimulada pelos velhos laços espirituais, também buscou a companhia das crioulas. Certo dia, ela apareceu num barco e trouxe consigo uma enorme bagagem de objetos e alimentos. E, assim, a falange ficou completa.

A região da cachoeira das crioulas passou a ser um local de encontro de escravos e escravas, que buscavam o lenitivo para sua vida de dores e sofrimentos. Os pretos velhos montavam guarda e usavam todo seu conhecimento da Magia para que os planos tivessem prosseguimento. Os atabaques repercutiam nas noites de lua cheia e os escravos dançavam e cantavam. Aos poucos, a energia extra-etérica foi se juntando com a força mediúnica e as bases da futura religiosidade foram se firmando. A Magia dos pretos velhos produzia os fenômenos de contato entre os planos. Usando seus conhecimentos das ervas e das resinas, os velhos escravos materializavam espíritos e faziam profecias dos acontecimentos. A cachoeira das crioulas passou a ser um ponto de irradiação de forças espirituais.

Tanto os espíritos encarnados como os desencarnados iam se impregnando da Doutrina e formando falanges de futuros Trabalhadores na Seara do Cristo. Enquanto na parte litorânea do Brasil Colônia surgia uma religiosidade nova, calcada nas tradições dos Pretos Velhos e dos Caboclos, no interior e no Oeste brasileiros, ainda não penetrados pelos brancos, havia acontecimentos semelhantes, mas de uma ordem diferente. Ali, as tribos nômades, em guerras permanentes, percorriam as florestas repletas de energias deixadas pelas antigas civilizações desta parte do mundo, das vanguardas dos Tumuchys e dos Jaguares de milhares de anos anteriores. Usinas de Forças Cósmicas e Extra-etérica, desativadas e cobertas pela vegetação bravia, eram e são veneradas pelos índios como lugares sagrados. Bem para o Oeste, nas fronteiras então inexistentes com a América hispânica, nos contrafortes dos Andes, havia uma poderosa tribo do Cacique, cujo exército era composto por cerca de 800 guerreiros.

O movimento Doutrinário e Religioso, conhecido como “Vale do Amanhecer”, tem dois aspectos distintos, duas maneiras de ser visto: a primeira é em sua origem remota, o caminho percorrido pelos espíritos que o compõem; a das circunstâncias que presidiram sua formação atual. Em primeira instância, se tratam de um grupo de espíritos veteranos deste planeta, todos com 19 ou mais encarnações, juramentados ao Cristo e que se especializaram no trabalho de socorro, em períodos de confusão e insegurança. Tais situações surgem, sempre, no fim dos ciclos civilizatórios, quando a Humanidade passa de uma fase planetária para a seguinte. Esses ciclos, embora variáveis em termos de contagem do tempo, se apresentam à visão intelectual da História como tendo mais ou menos 2.000 anos. A cada dois milênios termina uma etapa e começa outra. Porém, por alguns séculos, as duas fases coexistem. Podemos tomar como exemplo, o período que antecedeu o nascimento de Jesus e os três ou quatro séculos que se seguiram. Um exame acurado dos acontecimentos históricos registrados explica essa mistura de duas etapas. O mesmo está acontecendo em nossa época, desde o Século XVIII, em que o mundo como que explodiu em fantásticas conquistas socioeconômicas, ao mesmo tempo em que começou a declinar no que poderia se chamar de “humanismo”.

Esse fenômeno é particularmente verificável nesta Segunda metade do Século XX, no qual as conquistas científicas, por exemplo, coexistem com a desvalorização progressiva do ser humano. A característica de nossa civilização atual é de descrença e desesperança nas instituições, nos marcos civilizatório que regem nossas atitudes. Num paradoxo aparente, essa “morte civilizatória” produz na mente do Homem a ansiedade por bases mentais mais firmes, mais calcadas na imortalidade da civilização. A descrença nas instituições regentes leva à busca de instituições mais biológicas, seguras, mais transcendentais.

Isso pode ser facilmente percebido pela procura atual de soluções religiosas e de novas formas do encontro com o espírito. Atender a essa necessidade é exatamente a finalidade e a missão desse grupo de espíritos que aparecem sob a égide do “Vale do Amanhecer”. Sua missão é oferecer ao Homem angustiado e inseguro uma explicação de si mesmo e um roteiro para sua vida imediata. Para que isso fosse possível, e a missão cumprida com autenticidade, o trabalho não poderia ser feito seguindo-se as velhas fórmulas de religiosidade, considerando-se “velhas fórmulas” os documentos escritos, as revelações de iluminados, de profetas, das tradições, das Doutrinas Secretas e da Dogmática de Modo geral, empregada na base da Fé e do Medo.

O Homem só adquire segurança quando o equacionamento de sua vida se apresenta verificável, para ele individualmente, qualquer que seja sua posição socioeconômica. Se num primeiro momento as instituições lhe oferecem proteção e segurança, isso logo se desfaz na vivência dentro das mesmas, quando seu próprio juízo entra em contradição com elas. Nesse ponto, ele poderá não se afastar, por medo ou por falta de algo melhor, mas sempre, inevitavelmente, ele viverá em angústia. Por esse motivo fundamental, o movimento “Vale do Amanhecer” foi calcado na existência de um Espírito Clarividente, cujas afirmações e ensinamentos pudessem ser testados e verificados, individualmente, pela experiência de cada participante, sem jamais dar margens a dúvidas ou incertezas. Essa é a origem atual do Vale do Amanhecer, ou seja, a existência da Clarividência de Tia Neiva.

Esta cidadã comum, embora com traços de personalidade incomum. Em 1959, ela era uma viúva, com quatro filhos, dedicou-se à estranha profissão, para uma mulher, de motorista, dirigindo seu próprio caminhão e competindo com outros profissionais. Sem nenhuma tendência religiosa, nunca, até 1959, quando completou 33 anos de idade, revelou propósitos de liderança de espécie alguma. A partir dessa data, começaram a suceder, com ela, estranhos fenômenos na área do paranormal, da percepção extrassensorial, para os quais nem a ciência nem a religião locais forneceram explicação. O único amparo razoável foi encontrado na área do espiritismo, uma vez que as manifestações se pareciam com a fenomenologia habitual dessa Doutrina.

Os Problemas foram se acentuando contra a sua vontade, e o acanhamento das concepções doutrinárias que a cercavam a levaram a uma inevitável solidão. Não havia realmente quem a entendesse e compreendesse, e isso a obrigou à aceitação das manifestações de sua clarividência. Incompreendida pelos Homens, ela teve que se voltar para o que lhe diziam os espíritos. Só neles ela começou a encontrar a coerência necessária para não perder o juízo e ter se tornado apenas mais uma doida a ser internada. A partir daí ela deixou de obedecer aos “entendidos” e se tornou dócil às instruções dos seres, invisíveis aos olhos comuns, mas para ela não só visíveis como também audíveis. Desde então, ela teve que abandonar parcialmente sua vida profissional e se dedicar à implantação do sistema que hoje se chama Vale do Amanhecer.

A primeira fase foi de adaptação e aprendizado, embora, desde o começo, seu fenômeno obrigasse a uma atitude prática de prestação de serviços. Isso garantiu, sempre, a autenticidade da Doutrina do Amanhecer, desde seus primórdios. Tudo o que foi e é recebido dos planos espirituais se traduz em aplicações imediatas e é testado na prática. Logo que Neiva dominou a técnica do transporte consciente, isto é, a capacidade de sair do corpo conscientemente, deixá-lo em estado de suspensão, semelhante ao sono natural, e se deslocar em outros planos vibratórios, ela começou seu aprendizado Iniciático. O transporte é um fenômeno natural todos os seres humanos o fazem quando dormem, más, o que há de diferente na clarividência de Tia Neiva é o registro claro do que acontece, durante o fenômeno, na sua consciência normal.

Todos nós nos transportamos durante o sono, mas as coisas que vemos ou fazemos só irão se traduzir na ação em nossas vidas inconscientemente, ou seja, nós não sabemos que fazemos coisas em nossa vida com base nesse fenômeno. Nesse período, que durou de 1959 até 1964, ela se deslocava diariamente até o Tibete e lá recebia as Instruções Iniciáticas de um mestre tibetano. Esse mestre, que ainda está vivo, chama-se, traduzido em nossa linguagem, UMARHÃ. Dadas às condições específicas que isso exigia de seu organismo físico, ela contraiu uma deficiência respiratória que, em 1963, quase a levou em estado de coma para um Sanatório de tuberculosos em Belo Horizonte.

Três meses depois, ela teve alta e deu prosseguimento à sua missão, embora portadora de menor área respiratória, que limita sua vida física até hoje. Esse, entretanto, é apenas um aspecto das manifestações de sua clarividência. Ela se transporta para vários planos, toma conhecimento do passado remoto dela e do grupo espiritual a que pertence, recebe instruções de Seta Branca e de seus Ministros e as transmite praticamente para as ações do grupo. A comunidade da Serra do Ouro chamava-se “União Espiritualista Seta Branca” (UESB). Na UESB, no plano físico, o que existia era, apenas, um grupo de médiuns atendendo a pessoas doentes e angustiadas, tendo sempre à frente a figura de Tia Neiva. Havia um templo Iniciático e algumas construções rústicas, tudo feito em madeira e palha. Existia e existem, pois, dois aspectos distintos, que é preciso compreender para explicar o atual fenômeno “Vale do Amanhecer”:

O ser humano, como grupamento de pessoas dedicadas à Assistência Espiritual a outras pessoas, mediante as normas trazidas pela Clarividente Neiva do Plano Espiritual e essas mesmas normas, que foram constituindo a Doutrina, ou seja, um conjunto doutrinário. Na proporção em que o conjunto humano cresce, ele aumenta seu poder de obtenção, controle e manipulação de energias, ou seja, sua força cresce e amplia sua base doutrinária. Por isso a Doutrina do Amanhecer apresenta um aspecto dinâmico, de contínuo fazimento, que se adapta, a cada momento, às necessidades dos seres humanos que são atendidos. Todas as instruções para as atitudes, construções, rituais e planos de trabalho continuam vindo por intermédio de Tia Neiva. Com relação ao futuro, quando ela desencarnar, haverá, naturalmente, algum outro processo de instruções. Isso, entretanto, está fora de nossas cogitações, uma vez que não nos compete decidir. O Ciclo atual está prestes a terminar, o Mundo irá passar por grandes transformações, que já se tornam Evidentes ao senso comum e naturalmente, os responsáveis pelo Comando da Missão do Vale do Amanhecer; Pai Seta Branca e seus Ministros, Pai Zé Pedro e Pai João de Enoque, já terão Planos Prontos para funcionamento da Doutrina Cristã, no Amor.

"O CONSELHO DOS VELHOS SÁBIOS"! 

Pai Zé Pedro e Pai João de Enoque!

SALVE OS ABNEGADOS PRETOS VELHOS!

Pai João e Pai Zé Pedro de Enoque!

Meu Filho Jaguar! Salve Deus!

Sabemos que existem muitas mediunidades, porém, o Doutrinador e o Apará são as bases para seguir a missão. Sem o desenvolvimento de um desses aspectos nada é feito no Plano Iniciático. Muitas vezes eu me vejo em situações difíceis, para depois ver um médium se acomodar, acomodando-se em sua mediunidade. Todo Homem tem sua Missão na Terra e, geralmente vem com seu plexo aberto para cada missão. É possível, também, completar seu tempo em uma e se voltar para outra missão, com muito cuidado, porque cada desenvolvimento desenvolve, também, o seu plexo nos três Reinos de sua Natureza. Naturalmente, é desenvolvido de acordo com a sua missão.

Resumindo, veremos que o Plexo do Sistema Nervoso é um Universo Perfeito, em miniatura. É o Plexo mais dinâmico de nossas emoções. No fundo, é quem Governa todos os nossos desejos, e é Coerente com a vida na Terra: vida, nascimento, velhice e morte. É condensado em Células Vivas. Os Plexos regulam os movimentos, sem participação do Cérebro, automaticamente, por impulsos vindos dos Plexos Correspondentes. Os Plexos influenciam o Rítmo da Vida Psíquica, fazendo sempre, as suas modificações quando se deslocam um sobre o outro e isto acontece pelo desenvolvimento e pelas Consagrações. O Médium desenvolvido não deve ficar muito tempo fora da Lei do Auxílio, pelo perigo de adoecer.

O trabalho e os seus sentimentos são os que alimentam todos os Casos do Sistema Nervoso. O veículo do recebimento desta Força armazenada no Centro apropriado que é o Plexo, que emite também, nos Órgãos Internos, segundo sua necessidade momentânea, na Concentração das Forças Centrifuga e Centrípeta. Eis porque não tenho medo de mistificação destes Aparelhos benditos de Deus. Seus bônus são luminosos porque fluem dos seus Plexos, que reserva, também, o seu Sol Interior de suas Três Naturezas. Isto diz do Doutrinador e do Apará. É reparado, filho, que as Iniciações são bem diferentes: cada Mediunidade é regulada à sua Faixa, que são também, as doze Chaves do Ciclo do Evangélico Iniciático, após receber o Mercúrio Significativo, Sal, Perfume e Mirra.  Tal é a origem desta tradição Cabalística que compõe toda a Magia em uma só palavra: CONSCIÊNCIA! Traduzir este conhecimento é ter a chave e estar a caminho de Deus.

E só nos colocamos a caminho de Deus no Segundo Verbo, que é a palavra realizada por ATOS na linha do Amor e na  Linha do Desespero. Exemplo: eu estou no Segundo Verbo e sou uma AGLA. E só podemos nos dar ao luxo de ser uma AGLA quando temos Consciência de todas as coisas e passamos pelas dores da Terra. Filho: no dia em que fui Consagrada como Koatay 108, não tive tanta Emoção, ou, não foi igual, àquele quando do meu Ingresso no Segundo Verbo AGLA. AGLA! Gritaram! AGLA KOATAY 108! Vou morrer! Pensei! Não é possível! Tive medo da Regressão lembrando-me das palavras dos Sábios: Não Farás o que a Natureza não faz e a Natureza não fará o que tu poderás fazer. Confiamos a ti todas as Iniciações dolorosas, e nos devolveste Obras de ATOS. Pronunciamos cabalisticamente o nome AGLA porque sofrestes as provas da Iniciação. Vire-se, para o Oriente, porque Tens o Poder de Três Raízes na figura de Koatay 108, do Grande Morgano 108; o Grande Talismã Morgano 108!

Sim, filho, mesmo as Grandes Iniciações têm as suas Regressões às vezes muito maiores que as Nossas. E na Magia de Nosso Senhor Jesus Cristo a única que eu conheço e que também não Aceita interferências, há regressão, mesmo pela Dor Cármica. Ao Iniciado de Nosso Senhor Jesus Cristo não é admissível, no mundo Cabalístico dizer: que cometeu desatinos levado por Correntes Negativas. Consciência é a palavra... Se a Consciência falhar entra no quadro de Regressão, porém, sem qualquer prejuízo do destino traçado aqui na Terra. Semente a Esquizofrenia dá este direito, porque os esquizofrênicos recebem pelo seu triste compromisso.

O esquizofrênico é atingido em seus dois Sistemas: Cérebro-Espinhal, que serve as Ações e movimentos controlados pela perispírito, e o vago-simpático, que realiza as funções da vida vegetativa. Somente os grandes cientistas voltam com este compromisso, para desafiar sua ciência sem a ciência de Deus. Porém, ainda não conseguiram, porque sem Deus, o homem não se encontra senão sua esquizofrenia. Em resumo: o iniciado, que fez sua consagração consciente, só irá errar se for esquizofrênico, estaciona, porém, não regride. A regressão repito não tira nada físico e não muda o curso da vida. Apenas, perdendo sua proteção, o mesmo sofra mais, uma vez que a proteção o vinha ajudando. Chamamos desagregação de afeto à estabilidade das contínuas renovações das Células.

A Força de Energia, força magnética, que muitos homens possuem em abundância para grandes curas e que, apesar de tudo que aprenderam se deixaram ficar em seu bem-estar até que potencial se acabe. Salve Deus, filho! Aos poucos vou mostrando os comandos da Magia Cabalística. Não reparem esta cartinha, estivar confusa. Estou aproveitando as horas aqui no hospital, com o pensamento sempre voltado para o meu filho em Cristo Jesus. "Espero filhos, que não chegue o 7° Ciclo, o período determinado por Jesus, e os Mundos da Matéria e Antimatéria se choquem e desintegrem este Poder que pensamos ser o "Homem que é apenas "Cientista, isto é sem fé em Deus". Filhos, esta partícula nunca vem a ser Vital. Por conseguinte o Homem Cientista nunca poderá ver suas partículas, sim; que são da "Antimatéria", que é Condensada. Porém, a Matéria se divide constantemente, a flutuar e, a flutuar é o Perigo! Os Cientistas Nucleares vão destruir o Mundo Material com suas Armas Nucleares'".

Amar ao próximo como a si mesmo e a Deus sobre todas as coisas! Porquê? Esta é a "Lei do Perdão"! Quem Perdoa Ama e quem Ama perdoa de Verdade. Por esses dois mandamentos! São os Jaguares Filhos de Pai Seta Branca e de Tia Neiva, que estão a Cumprir a Lei do Amanhecer na Lei de Auxílio! Perdoar é Amar é Caridade. Salve Deus.

SALVE DEUS! TRINOS PRESIDENTES! REGENTES

SALVE DEUS! ADJUNTOS TRINOS PRESIDENTES! SALVE DEUS! 

NO ORÁCULO DE ÁGLA KOATAY 108! 

Meu filho Jaguar! Salve Deus!

"Dizem os Grandes Iniciados que os nossos esforços na Individualidade conseguem Alcançar a Liberdade em dois Planos Espirituais, podendo Alcançar com Perfeição a Dupla Energia". Sim, filho, vivemos a ENERGIA DO CANAL VERMELHO. De lá partimos para as Nossas Origens. Porém! Vivendo aqui neste Mundo Físico temos que estar alertas da Lição Conmsciente que temos em Nossas Cabeças. Sim, Filho, uma Cápsula enorme envolve todo este Universo e na Conduta Elevada deste 5° Ciclo podemos esperar, não muito longe, a sua Evolução também como um Ciclone. Sim, filho, dois Mundos, MATÉRIA e ANTIMATÉRIA, que se compõem de Energia. É uma Vida Condicionada, porém, nesta Vida, não há preocupações com o nascimento, doenças, velhices e nem morte.

Deus, , o Pai Eterno Criador do Universo!

O Sistema criado por Deus é Perfeito. Deus criou em Ciência, o Sistema Sideral e o Espoço Cósmico entre o Céu e a Terra e tudo para a Conquista na Procriação Divina, o Corpo Físico, o Homem em sua "Perfeita Imagem e Semelhança"! O Micro e o Macro Plexo é a forma do Organismo, do Corpo Humano, que é o habitar de Deus, o Espírito é quem comanda por Consciência e Inteligência o Corpo Físico, que é cheio de Energias, para conquistar por Sabedoria; as Energias conscentradas no Laboratório Universal de onde são liberadas naturalmente e de conformidade com as heranças transcendentais, nas necessidades e na individualidade de cada Espírito. Disse Pai Seta Branca, na Lei de Causa e Efeito, no Amanhecer jamais vos exigirei os Santos e Anjos, porém irei às Matas Frondosas do mais Alto-Chingu em buscar o Aroma das Matas e as mais Puras Energias; para vós Outros trabalhar na herança transcendental, a sua classificação, que recebera para a conquista Universal, que farão na hierarquia a conquista por dignidade, honestidade e integridade Moral e Doutrinária, que é conquista por Amor. A Lei Física que nos Ensina a Perdoar e a Amar a Deus sobre todas as coisas é mesma que nos disciplina e nos conduzem à Razão e somos conduzidos à Presença Divina dos Abenegados Anjos e Santos Espíritos do Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo. 

A Árvore da Vida Eterna! 

Salve Deus! O Mundo Espiritual, as Forças Iniciáticas. Salve Deus.

Os Homens Missionários recebem as Forças Universais no seu "Plexo Físico"! Nos seus "Chacras Receptivos" que são energizados, as energias se conectam e se distribuem aos outros chacras que estão posicionados no Corpo do Ser Humano! Os Jaguares utilizam dessas Forças abrindo os seus Canais de Emissões e as distribuem do "Plexo Solar e do seu Reino Coronário" de acordo com as necessidades das heranças transcendentais e as distribuem nos Canais Competentes da Espiritualidade maior na realização dos Trabalhos Espirituais. A Nossa Mãe Clarividente nos disse: Salve Deus! Meus Filhos, na Terra existem Sete Planos divididos e cada um divido em Sete Sub-Planos e através dos quais evolui o Homem. O Primeiro Sétimo é o Plano da Natureza, onde transita a Vida animal, no Segundo Sétimo é onde o Homem sem ter desenvolvido seu Plexo Iniciático faz sua jornada! Após desenvolver sua mediunidade e receber a Iniciação, o Homem penetra no Terceiro Sétimo abrindo seus chacras e passa a manipular Grandes Forças curadoras e desobicessiva. O Jaguar parte do Primeiro Sub-Plano do Terceiro Sétimo, os Trinos partem do Terceiro, do Terceiro Sétimo.

Em 31 dez 1978, o Nosso querido Pai Seta Branca falou o seguinte: “Ouve a voz que te rege no cumprimento desta Missão, deste Terceiro Sétimo, porque, Filho, o teu Sacerdócio exige que sejas o Talismã da Vida, o medianeiro de todas as Forças. Filho querido não deveis temer as Grandes Revelações, os abismos que irão se abrir, a descobrir Seres, que arremessados pela tua Força se extrairão da Terra em busca de Amor. Verás Filhos fluxos de Luz que também extraídos da tua Energia virão trazer-te, a Cura, para a tua evolução. Somente com a conduta Moral e Doutrinária do teu Sol Interior poderás emitir todo o Bem, na Luz deste Amanhecer. Todo o Universo ouve o teu sagrado juramento, que fizestes com as seguintes palavras: "Ho, Senhor, fira-me quando o meu pensamento afastar-se de Ti! E ainda, ao tomar o Cálice: este é o Teu sangue! Ninguém, jamais poderá contaminar-se por mim. De Deus terás tudo por estas palavras! Felicidade, Filho, neste Terceiro Sétimo”. 

O Canal Vermelho é um verdadeiro "Mundo Espiritual em Laboratório", com Sete Planos Evolutivos, que surpreendem um Espírito que consegue Manter sua Consciência. Seu Conjunto varia de acordo com cada Plano havendo, por exemplo, nos Planos Intermediários, Cidades de aspecto artificial, com belos e enormes jardins, praças, pontes, grandes edifícios e uma vida complexa iluminadas por uma luz que varia em vários tons do lilás; para a Regeneração do Perespírito do Corpo Etéreo. Existem muitos lugares e atividades bem definidas e o Espírito pode ficar até Sete anos terrestres no Canal Vermelho percorrendo seus vários Planos, para recuperação em Hospitais, Albergues e Colônias e até mesmo em Cavernas é para lá, que onde são levados os Espíritos endividados ao chegar se dirige na Sintonia da sua faixa Vibratória, que conquistou na sua jornada, na Terra. 

A Nossa grande atividade na Doutrina do Amanhecer está ligada aos "Planos do Canal Vermelho". O Jaguar quando dorme estando em condições de Trabalhar Espiritual com vibrações elevadas e com seu "Sol Interior Equilibrado e Iluminado" se desdobra e vai até o Canal Vermelho, a levar o seu "Magnético Animal, o Ectoplasma" para tratar aqueles Espíritos a liberar Energia Vital Iniciática que propiciará a libertação de inúmeros Espíritos sofredores. Por isso, uma das proibições da Corrente é o uso do álcool (*), pois por menor que seja a quantidade ingerida, o médium não poderia trabalhar no "Canal Vermelho", porque estaria liberando uma energia envenenada. Na Obra “Meus Primeiros Passos no Canal Vermelho”, Tia Neiva conta, na primeira parte: a Adúltera sua visita a esta Casa Transitória levada por Amanto (*), que lhe explicou estar na camada etérea da Terra, no invisível do Planeta, aquele Mundo de Espíritos Desencarnados que não tinham condições de chegar às "Estrelas ou ao Planeta-Mãe".

 O Homem! Deve Conhecer a si Mesmo!

Os Chacras, na Árvore da Vida Eterna!

"São os Chacras Naturais Receptivos no Corpo Físico"

As Nossas Vidas Costituidas por Deus 

Salve Deus! Em Cristo Jesus! Jaguares e Ninfas, meus irmãos, nos Planos Superiores da Espiritualidade Maior ficam concentradas as necessidades para ser transmitidas para as transformações Físico Ambientais as renovadas energias para trazer ao Espírito do Homem, a revitalização do organismo e os novos conhecimentos e ensinamentos para ostentar-se nas Forças Divinas e Sensitivas na Lição da “VIDA”. Deus vêem-se na enviar a Luz e o AMOR a oportunidade para transmutar e implantar e Inovar no grande “Aledá de Nosso Senhor Jesus Cristo”. Em Manhãdeva! A Mãe Natureza que é esta grandeza infinita, onde nasceu o Homem, onde foi criado por Deus para Reproduzir e na Procriação Divina ser feliz, para que possa Sentir e Viver a grandeza do “Poder Sensitivo! No Amor! Deus criou os "Corpos dos Seres Humanos” dotados dos Poderes e de energias e emite as Forças na Eterna Sustentabilidade desenvolvida nas Sete Forças Universais e nos Sete Poderes das Forças, para haver Equilíbrio, no Moral e Espiritual e esse Sistema tem que estar a trabalhar em Perfeita Harmonia e Sintonia entre si, umas com as outras Energias de Forças Integrados e a interagir umas com as outras para serem protegidos e interagir os Sistemas preservados de qualquer tipo de Violência seja Física ou Espiritual ou de choques que possam romper as suas camadas protetoras. Temos o dever de educar a Criança para ser um Homem, a Perfeita Imagem e Semelhança".

A Conscientização! 

Estamos a remover séculos em busca das raízes que deixamos. Voltamos para evoluir o mundo que ferimos, quando nos afastamos de Deus. A dura experiência no Caminho Evolutivo Pai Zé Pedro e Pai João de Enoque são os Veteranos Espíritos Doutrinadores desde o imenso poder químico baseado em experiência que transformava água em pedra; nos fez esquecer que "ÁTOMO POR ÁTOMO SAÍMOS POR DEUS CONSTITUÍDOS". Era um sacerdócio poderoso, corajosos, inteligentes, porém, nos arrancaram do mais Castelo das Cortes quando nos perdemos em meio a tantas riquezas. Tivemos tempo para ir e voltar e Verificamos que a terra não passa de um imenso universo, onde vemos a razão. Voltarmos e somos missionários e trouxemos uma lição. Somos Cavaleiros Verdes e Guias Missionárias espíritos colocados numa posição de destaque no III MILÊNIO. Abraçamos o que nos deixaram os nossos antepassados eis a única forma de favorecermos a paz em nossos corações. Energias que foram transferidas pela falta de Deus em nós. Hoje o nosso "SOL INICIÁTICO", na obrigação de aprender a perdoar.

A chamada Linha Mater, Oráculo de Ariano" Povo de Deus é a chegada de expressar no sentimento de Amor tudo que foi ocultado, quando guardaram em suas origens e seus valores até que formar este grande para individualizar o "DOUTRINADOR E O APARÁ". O DOUTRINADOR na força de Tapyr força predominante no "REINO CENTRAL" e APARÁ na força de Olorum! "OLORUM! ORÁCULO DOS DEUSES DA GUERRA"; do fogo, da água e do Ferro. Ponto de partida das três forças universais. Temos que patentear os conceitos africanos, porque para seguir as linhas, honestamente é preciso conhecer fundamentalmente, as "LINHAS DA CIÊNCIA DO AMANHECER". Olorum, predominância nativa Linha de Jesus Cristo, o Amor. "PAI JOÃO E PAI ZÉ PEDRO DE ENOQUE", os veteranos Doutrinadores, com a missão de agir dentro deste Povo a Corrente do Astral Africano, formando o "ADJUNTO DE JUREMA". Portal que assume um Poder de Integração Desintegração e Reintegração de Espíritos a Caminho de Deus, a vossa Mãe Mentora e Pai Seta Branca seguem adiante de vós Outros removendo pedras e vos amparando nas vossas quedas vos consolando molhando os vossos lábios ressequidos com água preciosa da vida Eterna.

A Yoga, na MISSÃO!
Salve Deus! Mestre Humarhã! Mentor de Tia Neiva. Salve DeusSalve Deus! O Mestre Humarrã Ensinaou a Yoga! Salve Deus.

Os Chacras! Humarhã. 

Salve Deus! Partindo da compreensão das Origens Criadoras nas Atividades Racionais e tão intimamente Unidas, Vidas conscientes que sabem discernir que o Negativo de hoje será o Mal do Amanhã; cada Consciência vive e envolve os seus próprios pensamentos! Através dos séculos do tempo, nada escapa a lei do progresso e acima de tudo, as Religiões.

Vibramos, emitimos, seguimos com a mente ou somos atraídos, o que não é muito bom. Sim, a vibração que nos atrai mesmo de bons sentimentos nos incomoda. A vibração desejada é quando sentimos irradiar. Pelas irradiações, sabemos por que estamos sendo vibrados: levando em consideração as imperfeições dos nossos desejos, aspirações... Não se esqueçam de que os fenômenos magnéticos duram ainda depois da morte. Assim é o peso. Preserve a tua mente do orgulho, pois, o orgulho provém somente da ignorância do homem; que não tem conhecimento e pensa em ser grande, ter feito esta ou aquela coisa... Se seu pensamento for aquilo que deve, pouca dificuldade encontrará na ação. 

Resta-nos agora, resumir e reunir, para concluir, resumindo a história da Ciência, para harmonizar os grandes princípios da “MAGIA INICIÁTICA”, conservada e transmitida através de todas as idades. Conhecendo bem as leis e as Forças das Cabalas, as vezes nos admiramos tanto, por que certos homens que tiveram a graça de ser inteligentes, no entanto preferiram viver com suas “ALMAS” presas nos estreitos limites do corpo humano, resistindo até mesmo aos esforços dos Poderes Superiores. O Medo do ridículo provocado pelo orgulho.                                                                                  

Não sabe o homem que seria mais inteligente se aprofundar para CRIAR.   Assinatura de Tia Neiva! A Clarividente!

 Os Chacras  Indianos, no Homem!

Chasrara..! Esse Chacra é localizado no centro, alto da Cabeça do Corpo Físico do Homem, do "Ser Humano! É por meio desse chacra que chegam as Energias Forças Sensitivas, as Energias Eletromagnéticas extra-sensoriais, que sentimos discorrer em pelo "Sistema Nervoso em todo Nosso organismo, no Corpo Físico, no Ser Humano". Uma Força, que Corre em todo o nosso organismo e são distribuídas pela Rede do Sistema Nervoso para energizar todo o Corpo Físico. A Parapsicologia, a Neuropsiquiatria, Psicopatia, a Psiquiatria e Ciências outras falam dessas Forças! Porém! A Psicologia é a Ciência que mais se aproxima da Espiritualidade; que é  a Ciência Espiritual Divina a trabalhar a Patologia Humana! O Espiritual é trabalhado na Sabedoria e pelo Sistema do Cristianismo e Deus.

Adna..! Chacra localizado frontal no centro da testa e é por meio desse Chacra que o ser humano recebe a capacidade de concentrar e sintonizar para meditar ou Raciocinar discernir para exteriorizar pensamentos através da expressão vocálica.

Vishuda..! Esse Chacra é localizado no Epiglote e é por meio dele que as pessoas recebem as Forças da Fonação ou da voz para a exteriorizar a comunicação! O poder da expressão e exteriorização pela voz! Poder de comunicar-se ou de falar.

Anharata..! Esse Chacra é localizado no lado esquerdo do Peito do ser humano! É o Órgão conhecido por “Coração” é nele colocada a Força do Sensitir! É por meio desse poder que as pessoas fazem a expressão de sentimentos. “É nesse Órgão que está colocada a Centelha de Luz”! Que é a capacidade Crística ou não; que a pessoa possui de “SENTIR! AMAR ou a ODIAR”. É o Poder comandado pelo Espírito em sentimentos por meio de pensamentos vibratórios, que pode ser positivos ou negativos.

Shuadistana! Esse Chacra está localizado à região do estômago! Na bôca do estômago e é o primeiro Chacra Organizador Fisiológico para o equilíbrio, o comando e controle do resto do Corpo Físico, para digerir e organizar as energias no organismo.

Manipura..! Esse Chacra é localizado na região umbilical e é responsável pelo equilíbrio das Forças Emissoras do Corpo Físico, na recepção e distribuição de Forças e energias para o Corpo Humano, no expressar o conjunto de comando das negias para alcançar os Outros chacras e exteriorzar as Forças; para alcançar o seu objetivo.

Muladara..! Esse Chacra se localiza na Região Sexo Anal! Esse chacra é responsável pela Força de Equilíbrio Moral Físico e disciplinar do ser humano encarnado é por meio desse Chacra que a maioria das pessoas deixam se descontrolar Moralmente; os maus Espíritos atacam as pessoas é nesse chacra a lhes causar os desequilíbrios morais e Espirituais. Atigem a maioria das pessoais; que pelo Sistema emocional se deixam levar e por meio dos maus Espíritos em termos humanitários cometem crimes adversos. Esses são os Chacras Indianos e receptores naturais; que todas as pessoas os seres humanos, os tem é normal, já nascem com eles concentrados no Corpo Físico.  

Salve Deus! Os chacras concentrados no Corpo Humano! Salve Deus.

Manter-se em Equilíbrio, eis a maior Dificuldade que o "Ser Humano se encontra ou enfrenta em Sociedade é onde estam as maiores dificuldades do Homens na Terra". Nenhum Ser Humano Encarnado é auto-suficiência em equilíbrio e Existem há momentos de equilíbrio e na maioria das vezes é de desiquilíbrios e isso é normal, por que faz parte do "Cárma do Homem na sua individualidade, que influenciada pela sua decaida personalidade. Os seres humanos em geral deveriam ser melhores psicologicamente ou espiritualmente preparadas deveriam ser orientados sobre seus corpos físicos, o que levariam as pessoas a serem melhores socialmente. Aproveitariam mais das suas inteligências e seriam ainda, mais compreensivas e respeitadoras umas com as outras e mais democrática e tolerante em sociedade. Dominariam as suas forças e fortaleceriam suas personalidades e passariam a viverem as suas próprias identidades. O Homem ao respeitar e a cumprir a Lei de Deus está a viver a Lei na causa natural para Perdoar e Amar a Vida. 

Divino Seta Branca! Tu És a Lei de Deus!

Pai Seta Branca é um dos nomes recebidos pelo luminoso Espírito de Oxalá, Orixá Poderoso e com Amor preside todo o desenvolvimento Cármico do nosso Planeta, a quem foi dada a Missão de Espiritualizar o Homem. É o grandioso guardião do Oráculo de Simiromba, que administra todo o potencial de Forças que agem e interagem na Terra. SIMIROMBA significa, na Corrente, “Raízes do Céu”, e Pai Seta Branca é o "Simiromba de Deus"! Do seu Oráculo, Simiromba, realiza toda a grandeza presente em nossos trabalhos. Chegando aqui, liderando a Missão dos Equitumans, quando ficou conhecido como Jaguar, e dos Tumuchys. Na condição de Espírito irmão de Jesus, foi o seu mais amado discípulo João, que escreveu o IV Evangelho e o Apocalipse. Oxalá retornou no século XII, na Itália, como Francisco de Assis, junto com sua Alma Gêmea Mãe Yara como a Clara de Assis, Desenvolveram, a "Magnífica Obra dentro da Igreja Católica Apostólica Romana" criando a Ordem Franciscana e implantando as bases de sua Doutrina de Amor, Humildade e Tolerância, idéias das quais os Homens estavam afastados.

Na época da conquista da América, no século XV, Oxalá era o Grande Cacique de uma Tribo Inca estabelecida em Machu-Pichu e tendo recebido o nome de Seta Branca; por causa de sua Lança Armada com a Presa de Javali. Com as conquistas espanholas na região andina, houve uma ocasião em que os espanhóis chegaram nas proximidades daquela tribo, ameaçando-os. Seta Branca e seus 800 guerreiros, aguardavam os invasores em um descampado. Quando estavam próximos para iniciar a batalha, Seta Branca começou a falar ao mesmo tempo em que, com sua "Seta Branca nas Mãos" fazia como que uma oferenda aos Céus. Sua voz ressoava por toda aquela Região gerando um campo de Forças que trouxe um clima de Paz e Tranquilidade o qual influenciou todos aqueles Corações! Os Guerreiros dos dois lados sentiram aquela emanação e foram se ajoelhando. Seta Branca terminou sua invocação, trouxe sua Seta até o Plexo e ficou em Silêncio e de cabeça baixa aguardando os acontecimentos. Os espanhóis foram se levantando e abandonando o campo, e retornaram para seus acampamentos, no este, sem qualquer confronto. Os Incas retornaram à sua Cidade sentindo o Poder do Amor sobre a Força Bruta. E ali viveram por muitos anos ainda, totalmente isolados.

Esses espíritos retornaram no limiar do Terceiro Milênio, liderados por Oxalá, na roupagem de Pai Seta Branca, tendo como líder, no plano físico, Tia Neiva, que reuniu os Jaguares sob a Doutrina do Amanhecer. O aniversário natalício de Pai Seta Branca é reverenciado no dia 14 de fevereiro. Mensalmente, no 1° domingo de cada mês, no Templo-Mãe faz-se o Ritual da Bênção de Pai Seta Branca, quando 14 ninfas se revezam na Incorporação do Pai Seta Branca dando a Bênção a centenas de pacientes e mestres, com a presença de Ministros que incorporam em Mestres Ajanãs. Nos Templos do Amanhecer, uma só Ninfa geralmente a Coordenadora incorporava e dava mensagens e Bênçãos de Pai Seta Branca obedecendo ao Ritual que se encontra no Livro de Leis. Em julho de 2000, o Trino Ajarã alterou o Sistema diante da impossibilidade da marcação das Bênçãos para a grande quantidade de Templos do Amanhecer inclusive com mais de 5 Templos no exterior e passou a ser realizada a Bênção do Ministro.

Todo o ano, desde 1971, o Pai Seta Branca se dirige a seus Filhos Jaguares através de Mensagens que são pronunciadas no Templo-Mãe à meia-noite do dia 31 de dezembro. Até 1984, foi à comunicação feita por Koatay 108 e a partir daí a incorporação do Pai Seta Branca se dá em Ninfas preparadas esta finalidade. Na Linha do Amanhecer não é permitido a incorpor o Espírito de Nosso Senhor Jesus Cristo. Para a incorporação de Pai Seta Branca de Ministros e Cavaleiros são realizados trabalhos em Rituais e eles se fazem conduzidos por uma Grande Corte Divina! Mentores de Luz que compoem essa CORTE. 

As Raízes dos Oráculos e as Sete Forças dos Orixás!

Salve Deus! Os Sete Mantras! São Sete Orixás, Espíritos da Auto-Hierarquia! O Grande Oriente Oxalá! "Olorum, Obatalá e Simiromba, Xangô, Ogum, Yemanjá e Oxosse". Os três primeiros são Oráculos de Poderes Iniciáticos e Cabalísticos que são manipulados por Deus Pai Todo Poderoso; o Pai Celestial. E esses três Oráculos manipulam em Conjunção com os Poderes dos Outros quatro Orixás. Emitem os seus Sétimos Raios; "Ministros"! Os Grandes Inciados de Deus, o Pai Eterno. Que Regem e protegem os Espíritos Missionários Inciados nos Poderes de Nosso Senhor Jesus Cristo. Que vêem para a Grande Obra de Amor no Planeta Terra a cumprir a Missão na "Lei de Causa e Efeito; na Lei de Auxílio". No Amor Incondicional e por Esclarecimento Evangélico e Doutrinário, desperta no encarnado ou desencarnado, pelo Poder Sensitivo da necessidade de voltar-se para Deus, o Pai Todo Poderoso.

Oxalá! O Grande Oráculo do Amor! Regido pelo Grandioso Ministro Obatalá! O Deus do Amor que está muito próximo do Deus Pai Todo Poderoso! Emite o Poder Cabalístico no Amor Incondicional, para conduzir o Doutrinador na Ciência e na Luz da Razão. Possui sete Raízes manipuladoras com Grandiosas Cassandras de Forças de Poderosos Ministros e Cavaleiros que emitem poderosas Forças curadoras desobsessivas na elevação Cabalística do Doutrinador; que desintegram Correntes pezadas negativas de Espíritos e faz a transmutação das forças na presença Divina.

Olorum! Oráculo de Olorum! O Deus Ministro Olorum! O Pai da Humanidade Terrena. Poder do Ferro, do Fogo, da Água e da Guerra. Um Grandioso Ministro de Deus Pai Todo Poderoso. Possui Sete Raízes que são Formadas por Cassandras manipuladoras por Poderosos Ministros e Cavaleiros na Manipulação da Luz da Lua e do Sol da Vida, o Senhor Jesus Cristo. São poderosas Forças que são projetadas que protegem e dá equilíbrio ao Médium de Incorporação e na Lei do Auxílio.

Oráculo de Simiromba! "Oráculo de Ariano! Regido por Simiroma! Simiromba é Pai Seta Branca, o Nosso Pai". Oráculo das Leis Divinas. "Divino Sete Branca Tu és a Lei de Deus"! Na Lei de Causa e Efeito é Justo, que detém o Poder das Leis de Deus. No Poder da Razão. Possui Sete Raízes; que são Sete Ministros: Eridan! Oner! Adones! Arakém! Delans! Alufan e Aton! Que manipulam as Forças das Raízes que são as Energias emitidas ao Adjunto do Jaguar! Adjunto de Jurema e Poderes emitidos por Adjuntos Trinos Regentes Triadas Herdeiros Presidentes! Adjuntos Arcanos! Ninfas e Jaguares! No Oráculo da Ágla de Koatay 108. 

Xangô! O Deus do Poder do Fogo Sagrado Ígneo e da Terra. Poder da Transformação ou da Transmutação! Que facilita a "Elevação Cabalística do Doutrinador na Presença Divina"! Poder Atômico para Desintegração de Correntes Pezadas Negativas principalmente na Estrela Candente; quando o Divino Arakén o 3º dos Poderes Divinos e das Leis do Pai Seta e de Pai Xangô, entra em Ação nos horários de precisão para a Consagração de Estrela Candente por estar sendo trabalhadas com os Poder de Cavaleiros e das Guias Missionárias com Suas Redes Magnéticas  e no Amor Incondicional e Poder da Reitegração pelos Ministros no "Reino do Central e na Presença Divina na Estrela Candente".

Ogum! O Deus do Fogo Sagrado de Manipulação do Sal, Perfume e Mirra! Que Rege e manipula o Poder da Chama Iniciática! A "Chama da Vida"! Que projetam as Forças, os seus Raios nas Iniciações e Consagrações do Mestrado e Outras. Poder da Concentração na Esperança de ser Assistidos pelas Energias e Eflúvios Luminosos e Curadores na Comunhão Espiritual e da Purificação do Ser Espírito.

Yemanja! A Deusa das Águas! A Rainha das Águas: que Rege o Poder da Fecundação da Essência Divina e da Sagrada Existência da Vida dos Seres Vivos Encarnados na Terra. Emite os Seus Poderes das Águas e a Todos os Povos, as Forças Emitidas pelas Princesas e Sereias; que Manipulam as Energias Cristalinas e com Eflúvios Luminosos, as brisas das Águas dos Grandes Oceanos! Mares e das Cachoeiras, que manipulam nos Trabalhos de Contagem, o que Faciltam também nas Elevações Cabalísticas dos Doutrinadores e nas Consagrações da Estrela Candente e Outras Incorporações das Sereias de Yemanja, a Rainha do Mar.

Oxosse! O Deus da Natureza e do Poder da Vegetação e do Aroma das Matas! Protetor dos Seres Vivos em Harmonia e Fecundade Procriadora! Protetor dos Jaguares que Trabalham e necessitam de hostentação nos  Poderes dos Caçadores e Pescadores! Regeem os Poderes dos Povos das Matas; dos Caboclos e das Caboclas, que são Energias manipuladas em benefício dos "Encarnados e Desencarnados"! Protetor do trabalhador com a "Redoma dos Cavaleiros de Oxosse; na Lei do Auxílio dos Caboclos e dos Pretos Velhos na Caridade.

Os Sete Poderes e as sete Forças Universais, que são sete as Forças dos Orixás da Natureza, que são "Os Sete Mantras Naturais"; que são manipulados por sete Orixás e esses Orixás trabalham os nossos chacras do Corpo Físico. No Corpo Humano são encontrados os campos energizados receptivos são os chacras são concentrações de energias localizadas que formam e trabalham separado e em conjunto uns com os outros entrelaçando recebendo e distribuindo energias formando agindo e interagindo no sistema do Corpo Humano; para a coabitação do Espírito e da Alma. 

Deixe que a luminosidade da Divina Luz iluminr o teu ser! Feche os Teus Olhos Físicos e Abras os Teus Olhos do Espirituais, para que o Nosso Senhor Jesus Cristo, o Amor nos guiem juntos possamos entrar nos levando a Perdoar e Amar os que Vivem no Ódio, na Maldade e na Vinganaça! Jesus! Dai-nos a Força para desvendar o objetivo destes, que se dizem Nossos Inimigos, que a vingança e a maldade: o Ódio de seus Corações possam ser atingidos pela minha, pela a nossa força e assim Doutrinados e Emandos possam voltar para Deus todo Misericordioso. Nesse Mundo Hospitalar, que é onde realizamos a cura pela desobsessão. Pelo compromisso que assumimos, nos Planos Espirituais, para sermos o Socorro Final, nesta Nova Era e junto à mim o Apará e o Doutrinador. Todos nós somos conduzidos pelo Amor, e no Amor Incondicional da nossa vida, para fortalecer a nossa Alma generoza para ser confiante, a caminho das nossas heranças transcendentais, que há séculos vibra e irradia neste Universo, o princípio superior de todos os Missionários é o trabalho com Equilíbrio moral é o Princípio e o Poder de todas as coisas, onde tudo é força, luz e vida.                

"Sol Interior, Corpo Físico"

Salve Deus! A Preparação do Nosso sol Interior na Presença Divina dos Nossos Mentores de Luz, Amor; a Sabedoria! Salve Deus. 

"Plexo Solar e Reino Coronário"

Todos nós temos um SOL INTERIOR e, pela força do seu pensamento, tem como medida o grau de Evolução. Este SOL DEVERÁ ser desenvolvido sempre com o objetivo de favorecer o bem acima de tudo, na LEI DO AUXÍLIO, a completar sempre no ciclo Iniciático nos três Reinos de Nossa Natureza. O primeiro paço é procurar o equillbrar o físico com o moral na individualidade, na perfeita sintonia em Deus, para buscar a força da inteligência para se tornar perceptível por sua expressão vibratória, vibração extra-sensorial e saber compreender e aprender a movimentar os "Poderes do SOL INTERIOR, pela Força dos Chacrás Naturais, Indianos! Receptores no Corpo Físico para Manipular com Forças do Plexo Inciático dos "Chacras do Reino Coronário"; para Exteriorizar as Forças do Pléxo Iniciático das suas Consagrações, para no comportamento Missionário desenvolver e realizar Trabalhos Espirituais. Por que Espírito é que Manipula os três Reinos e Sistemas do seu REINO CORONÁRIO, porque a tua Alma Divina exige o teu bom comportamento! Amar ao próximo como a si mesmo e a Deus sobre todas as coisas; não julgar, não matar e não roubar: é  o conhecimento do Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo e das Leis Divinas.

Salve Deus! (Conhecendo bem as Leis e as Forças das Cabalas as vezes nos admiramos tanto, porque; certos Homens que Tiveram a Graça de ser Inteligentes! Preferiram no entanto Viver com suas "Almas presas nos estreitos limites do Corpo Humano: resistindo até mesmo aos esforços dos Poderes Superiores". O medo do Ridículo Provocado pelo Orgulho; mal sabe o Homem que seria mais digno e inteligente aprofundar para criar. Umarrã!). Quando embarcarmos nesta viagem assumimos o compromisso com os Mentores de LUZES, Na Doutrina Espírita, a Fé significa raciocío com responsabilidade para resgatar débitos.

Porém! Ter fé é Confiar! Acreditar com o dever preservar e Amar a Vida para ter o direito viver com Amor, o equilíbrio do seu SOL INTERIOR. Sim, meu filho, O SOL, a nossa vida por Deus constituída. Porque o SOL INTERIOR é formado pelos "Três Plexos no REINO CORONÁRIO". Sendo, Corpo Físico! Devemos estar sempre compreendendo os nossos instintos da Carne, a Nossa Natureza no Reino Físico. No PLEXO ETÉRICO ou, PERESPÍRITO, “A nossa Alma ou Micro Plexo”, quando bem sintonizado, se desprende do Corpo Físico e parte em busca dos nossos desejos. Se estamos em perfeita sintonia com Deus, ela vai até o CÓSMOS, nos traz Força e Energia formando o nosso SOL INTERIOR. Tudo dependerá de nós sabermos harmonizarmos estes TRÊS REINOS de nossa natureza: o AMOR, HUMILDADE e TOLERÂNCIA. Faremos de Nossa Missão o Nosso Sacerdócio. Os Anjos e Santos Espíritos vem do Céu, porém! Nós Aparás e Doutrinadores Iremos sempre às Matas Frondosas do XINGU em busca das mais PURAS ENERGIAS, para o conforto e harmonia da Cura do Corpo e do Espírito para o desenvolvimento Material de Nossas e das vossas vidas.

Dormimos e no Despredemos.,

Salve Deus! O Desprendimento do Espírito do Corpo Físico. Salve Deus.

A Nossa Alma se Desdobra vai buscar..!

A Nossa Alma se desdobra e vai ao Espaço, nos Cósmos; em busca da Seiva da Árvore da Vida e do Conhecimento do Bem e do Mal é o dever que gera os Frutos Morais da Verdade do Raciocínio com Responsabilidade para a boa frutificação da Árvore da Vida e perpetuar na Missão a fazer o Bem. Os que comem o fruto dessas Árvores descobrem que estão Conscientes, pois, os que não entraram no caminho do malogro e do fracasso; vão viver por Amor. O Malogro são os Espíritos de Pessoas que induz a Outras Pessoas ao Caminho do efeito dos que aprenderam a Odiar: isso é as Pessoas que se alimentam da Fraternidade Santa chegam a atingir a maturidade vão colher os frutos na Consciência amadurecida na liberdade da Fraternidade na Paz e na Verdade. são os que alimentam da Arbitrariedade Satânica vão colher os frutos na Consciência da amadurecida liberdade comprometida com o Espírito gerador do Ódio ou na companhia dos Espíritos, que com ele comungou e vão purgar ou resgatar Centil por Centil; nos Planos inferiores. Os que aprendem Amar seguem no Caminho evolutivo da Vida e vão ao reencontro dos se encontram no além Físico no Eterno, a Amar. 

A Árvore da Vida Reta faz Germinar, a Vida Eterna no Coração dos que comem os seus frutos: o fruto da Árvore da Vida é a fidelidade à Aliança Plena com Deus. No coração dos que comem desse fruto começa a circular a seiva fecundada na verdade da Árvore da Vida, isso é a comunhão com o Espírito Santo em Plenitude em Deus. As pessoas que comem o fruto da Árvore da Vida descobrem que estão revestidos com as vestes e protegidos do Cristo, o verbo luz da felicidade, o Amor de Jesus e vai ter Força dos Anjos e Santos Espíritos para descer do Céu e ir à Nova Roupagem, preparada, qual noiva vestida e adornada à sua espera; para o seu aconchego. Semelhante atrair Semelhante e poderás conquistar o Paraíso. O Senhor Deus perdoou a Adão e a Eva e os colocou no Jardim do Éden para atraírem seus semelhantes dos Astrais Superiores e Inferiores e com isso dar oportunidade ao Espírito do Homem e colocá-lo na perpetuação da vida Eterna e santa! Deus não faz vingança é misiericordioso com quem perdoa aos Espíritos desde que esses se doêm na oportunidade para aprenderem a existência de outra natureza, um Céu Espiritual ao nosso alcance, que ao Perdoar serão conduzidos à Vida no Além Cárma, no Céu. 

Os Chacras Iniciáticos!

Salve Deus! Os Chacras Iniciáticos são desevolvidos, quando o homem faz o seu desenvolvimento e é "Iniciado nas Leis de Deus"! A Vida Iniciática, eis por que o medium que faz o seu desenvolvimento não pode ficar muito tempo sem manipular as suas forças. Os chacras da Vida e da Morte ficam nas laterais à fronte dos homens, nos Jaguares e não podemos fazer a sua precisão, por que eles se alternam entres eles; já o Chacra Interoceptível esse sim: é concentrado: centralizado entre os dois chacras da Vida e da Morte; no centro da testa no "Aparelho do Jaguar Doutrinador". Salve Deus.

Salve Deus! O Reino Coronário e Chacras da Vida e da Morte e o Interuceptival. Salve Deus.

PLEXO SOLAR E O REINO CORONÁRIO!

            Meu Filho Jaguar! 

Como explicar esta Doutrina, que os Anjos e Santos Espíritos nos confiaram, sim, quanto mais penetramos nos domínios Psíquicos tanta mais difícil se torna a nossa jornada. Sim! Meu Filho, nos encontramos na situação do viajante, que atravessa uma Região nunca antes percorrida, na qual não há retorno, e sem vaguear, caminhamos sem guia confiante, apenas na sua formação recentemente reencontrada, equilibrada pela sua formação, entregue à sua perspicácia. É uma Doutrina e um Gigante, que adormecido repousa por trás de três portas hermeticamente fechadas.

Sim meu Filho Jaguar! Três portas resplandecentes que significam o "Poder Iniciático da Vida e da Morte". Integração e Desintegração e Reitegração, sendo a terceira força a do Ciclo Esotérico e das Ciências Ocultas da comunhão do Pensamento. Sim, Filho, encontra-se logo após algumas jornadas da visão do campo e da forma verde, do aroma das matas. Sim Filho, a Força Verde é a que manipula a sua Força Vital, que se transforma na Força do Jaguar, que vem da primeira "INICIAÇÃO DHARMO OXINTO", que quer dizer "Seja Manso como a Pomba e Sagaz como a Serpente".

Estas atitudes de ritualística em comportamento e compromissos, que tornam as nossas mentes perceptivas e persoassivas nos domínios extra-sensoriais, quando passa a aceitar e perdoar, para Amar a Vida. A Magia está na concentração da Alma sobre si mesma, a mais profunda introspecção, fazendo agir a percepção, nessa busca para encontrar os fatos agindo à luz da razão, em todos os campos psíquicos. Venho demonstrando e tenho certeza de havê-lo feito rigorosamente, a evolução da força, desde a polarização que produz as afinidades, congregadas e transformadas, que constituem a força vital ou biogênica, que se desdobra ao assumir sua atividade na motricidade da sensitividade, cuja força cria no Reino Vegetal a fortalecer na Concentração, que manipula o ECTOLÍTERO para ECTOLÍTRIO, que é uma energia que, depois de manipulada, se faz desprender do Plexo e produz o ECTOPLASMA. 

O ser humano, o Jaguar está a meio Caminho de uma vasta escala de Entidades de Luz Conscientes em evolução, num Estágio de Evolução e Outras num Estágio Inferior, más sucede o mesmo fato. Filho, que muitas vezes e sempre nos enganamos com o comportamento dos Outros sem perceber as grandes heranças que o Homem carrega consigo. É sim! Filho, o ECTOLÍTRIO vive entre os três Reinos de nossa Natureza, ECTO é resultante da ENERGIA. O ECTOLÍTERO é o Energético ("LÍTRIO" e se movimenta para emitir o ECTOPLASMA). Com carinho, a Mãe em Cristo. Tia Neiva.

Salve Deus! A Nossa Preparação dos Chacras, Plexo Solar e do Nosso Sol Interior. Salve Deus 

As Energias em Orbes, o Plexo Solar e no Reino Coronário!

As Energias em ORBITAIS!

Salve Deus! Os orbitais controladores das Energias Vitais. Salve Deus.

Salve Deus! Meu Filho Jaguar, para termos uma melhor compreensão vou dar explicação, através de cada uma de seu Orbe Terrestre; e sua particularidade renovadora fica bem explicada, que o ser humano encarnado ou, desencarnado, continuará sempre, a sofrer alterações em seus Reinos Coronários, porque o Espírito não pára sua evolução, modificando, renovando, por outros mais apurados, até receber novas alterações, para combinar em outros orbitais de mundos de outras matérias. Devemos saber que a forma de aprimorar-se ou, degredar-se, de acordo com a sintonia mental em que nos colocamos, pois, somos preparados nos Planos Espirituais, viemos cada um, instruído com a sua lição. Também se colocam os mundos e seus habitantes que segundo os meus conhecimentos, saímos preparados e orientados por eles, por conseqüente, em maior evolução, onde estamos sentimos em Deus; esta sintonia Universal.

A matéria não arqueja se é organizada, sua função representa, senão uma modalidade de energia esparsa, nossos elementos nos planos físicos, chega a ultrapassar as barreiras do nêutron na formação do sistema planetário, as funções ou, informações concentradas de Energia do plexo físico em fusão, é que o nêutron, que se destina em uma nebulose que pela força da gravidade, pressionado em todas as periferias para o centro, provocou o movimento circular que paulatinamente, modificou sua forma, um sentido mais, ou menos, esperar acompanhando o movimento circular giratório denominado proteção. Por Deus denominada Centrípeta e Centrifuga. Centrípeta; tem por sua vez reunir todas as energias ou fluídos equitoplasmáticos no centro Coronário, a Centrífuga afasta ou, emite na origem, tal; na progressiva condensação, sob o governo do eixo solar de nossa Natureza, fazendo esta aplicação um mestre, um filho, fez a seguinte pergunta: Pai por que o Nêutron então?

Então não atrasa? Escondendo-nos; os mundos espirituais: pergunta inteligente achei, não haveria sentido o corpo físico, se houvesse uma só visão, não haveria também necessidade do Sol. Que ajuda esta condensação material como seria as vidas solares com tantas imagens, visões deformadas nos espíritos em cobrança, bem coordenada a nossa explicação sobre o Nêutron e todos estes aspectos da Doutrina, em suma o preconceito fundamental de Jesus Cristo que são as Leis Eternas de Deus Pai Todo Poderoso. A energia visa o pensamento, desloca-se em Forças Sutil, visto através da alma Racional. Deus puro tríplice, ou seja; espírito, alma espírito em toda a manifestação universal, a Trindade do Cristianismo: Pai, Filho e o Espírito Santo, ou, chave do Verbo; o devido conceito que a verdade se resume em Deus Único, todo poderoso, que ao sentirmos sua Visão.

Acalmemos, a nossa alma e as tempestades servem para conciliar, no entanto, é preciso constância, o que mais falta no homem, e também ter Razão do Tempo na Terra e no Astral, na Terra e no astral, no interior psíquico, dá vazão à casualidade, pelos insultos transtornando a mente, e nos infelizes estados alucinatórios, sem saber interrogando as margens da esquizofrenia, são freqüentes os fenômenos, que a própria esquizofrenia produz. Esquizofrenia é efeito da mediunidade isto sim, alteração relacionados com o sistema nervoso; em relação do mecanismo são as mais freqüentes, as mais perigosas, nos fenômenos alucinatórios da Alma: esta cheia de AMOR, só falta saber empregá-lo, e pensar que o mal progride pela falta do emprego, do Amor, na progressiva condensação, no governo das Leis, a nebulose que nos protege no momento da rotação, aumenta milhões a Força Centrífuga com recurso até na Lei do Auxílio, nosso êxito ou fracasso, prudência e Fé, que consagramos mentalmente o objetivo que devemos alcançar, depende, unicamente do equilíbrio geral de Consciência expressiva já consagrados.

Então, a primeira coisa que devemos fazer é guardar os valores separando as tradições, a grande parte do valor da tradição vem juntamente, da sua função em Deus. O Nêutron não se impregna pela energia, porém, sofre alteração entre o dia e a noite, em todas as suas grandezas, há mais uma grande especialidade, a magia neutra ou, motivo a defesa de Metron; que graças ao Metron é que chegamos até aqui, se não fosse universais sobressaltados pelos constantes explosões, dos átomos e também flutuam-no como pequenos balões, por exemplo: A magia neutra ou, motiva é capaz de engrandecer o trabalho ou precipitar o desastre depende daqueles que manejam o magnetismo em si, não é bom, nem mal, existe, dependendo do Agente nativo Neutro, que é capaz de gerar o bem ou produzir o mal: abre-se um trabalho de Magia neutra “nativa” capaz de promover Correntes Magnéticas, porém, assumindo seus perigos. Exemplo: não há aperfeiçoamento da Alma, corre perigos de acrisolamento no baixo Astral, dos valores Negros, porém nada impede nas Leis “Etéricas contra a realização destes trabalhos que não passam de Correntes de eletros-magnéticos, sem a luz do NEOM”.

Graças ao Nêutron, o homem é protegido na sua inconsciência que controla os princípios magnéticos, porém, sem termos de lei, que possam burilar sua Alma ou consciência, para ser mais preciso, o Corpo Físico e para a Alma, o próprio Lar, que distribui bons exemplos nas mesmas circunstâncias diante deste comportamento mediúnico.  Há diferença de quem recebe uma lição raciocinada com o Coração e a Cabeça, meu filho Jaguar, tenha na mente, que quando sintonizamos no desejo de servir com Amor, servimos sempre, temos algo para oferecer, porém, no Curso extra-sensorial contidas em possibilidades virtuais na espera do pensamento, ninguém espera milagres, e sim, os fenômenos produzidos na Lei de Causa e Efeito, na individualidade, contemos à criação, sentindo a lógica acima de tudo porque, acima dos sentimentos, há razão nada mais impede de subirmos de montanha pela velha estrada, porém, para que temos o roteiro exato da nova diferença de velhas e novas estradas e porque os termos das primeiras coisas que observamos na velha estrada em todo caminho, são as Ruínas dos velhos Templos, a velha estrada foi pontilhada por Matribus; a divindade durante muitos Séculos, prosseguindo mais um pouco nesta viagem chegamos a um longo e puro sentimento, que nos leva à Razão, deste novo Caminho, de novas perspectivas; onde desmanchamos o Ciclo Vicioso, que leva à Velha Estrada.

No Amanhecer de Pai Seta Branca são mantidos os "Controles dessas incorporações!" O objetivo é na "Lei de Auxílio fazer a Caridade"! Ajudar as pessoas que necessitam de se libertarem desses tipos de Espíritos para se equilibrar e conseguem através de atendimento mediúnico e por tratamentos espirituais, as possessões de Espíritos passam até a possuir em definitivo o Corpo Físico da pessoa para fazer a sua cobrança ou a sua vingança, o que deixa a pessoa desequilibrada, doente, físico e mental. Grandes Atores e Atrizes passaram por Casos de Atuações e até de Possessões Espirituais. Esses Espíritos levam as pessoas até a cometerem Crimes! As pessoas praticarem Ações que surpreendem a si mesmo, já Existiram casos de Incorporações desses Espíritos em Atores ou em Atrizes que praticaram Ações Brilhantes em representações e Outras Ações Orríveis de praticar Crimes e depois ficam a dizer que ela, não era ela naquele momento, enquanto praticava aquela ação, que estava tomado por uma outra força, estranha! Força que lhe dominava que era uma força; que tinha um "Poder sobre aquela Pessoa". 

Nós Outros "Homens" todos quando nos reencarnamos na terra somos cientificamente conhecidos como homens; e nós somos dotados de Espírito e de Alma e nos distinguimos "Uns dos Outros" é apenas pelo Sexo: que é "Fêmea outro Macho!" A Fêmea foi criada notadamente para ser Mãe e tem um Corpo seu Órgãos Genitais preparados pela Ciência da natureza Divina de Deus e o Macho com os Órgãos Genitais, para ser Pai. Os tipos de Carmas que assumiram é que variam e muito; os Espíritos assumem os seus Cármas a serem cumpridos na Terra, a reencarnar com dupla Sexualidade, com Personalidade Decaídas e em Reajustes de Dívidas adquiridas em Outras Vidas. Nós Outros Homens para viver bem em Sociedade temos o Dever de combater essas Forças para se moralizar e aprender respeitar uns aos Outros para viver melhor, em paz na Vida e cada um nós somos uma individualidade. São as Pessoas em Sociedade que tem o Direito à Vida,  Saúde, Educação, para a Vida em Sociedade e tem o dever de se corrigir para viver por Direitos Sociais Adquiridos nas Leis de Deus, nesse caso estão estão em proteger as Famílias as Leis dos homens não podem sobrepor-se às Leis de Deus.

Jesus (Mateus XVIII, 1 a 7) respondeu a seus discípulos, que lhe perguntaram quem seria o maior no Reino dos Céus, chamando um menino para perto de Si: “Em verdade vos digo que se vós não converterdes e vós não fizerdes como meninos, não entrareis no Reino dos Céus”. Todo aquele, pois, que se fizer pequeno como este menino será o maior, no Reino dos Céus! E o que receber em meu Nome, uma criança como esta, a Mim recebe. O que, porém, escandalizar a um destes pequeninos, que creem em mim, melhor lhe fará se lhe pendurassem aos pescoços uma pedra de moinho e o lançassem ao fundo do Mar. Salve Deus.

  

"Feliz é o Homem, quando aprende Amar"

 

topo